Banner
News

E lá vem ele de novo: Neymar Jr.

Neymar, quando a Marca supera o Jogador.

Que Neymar foi para o Paris Saint-Germain na transferência mais cara da história do futebol mundial todo mundo já sabe. Um valor teoricamente absurdo por apenas um jogador de futebol. Porém, rumores de que o valor foi até baixo também apareceram. E o que impressiona é que foi mesmo.

A qualidade técnica do jogador é inquestionável. O valor pago pode ser discutido, mas não vamos nos ater a isso aqui. O que buscamos é uma breve análise de investimentos, valores da marca, do jogador e o como essa relação pode ser proveitosa para ambos os lados.

Você muito provavelmente já sabe, mas o valor pago pelo PSG ao Barcelona foi de 222 milhões de euros. O salário do Neymar ficará em torno de 40 milhões de euros por temporada, além de passar a ser garoto-propaganda da Copa do Mundo do Catar, o que vai render mais 60 milhões por temporada até 2022 para o craque brasileiro.

Como fica para o PSG?

Os valores a serem desembolsados pelo PSG certamente são gigantescos. No entanto, se olharmos a fundo as fontes de renda do clube, veremos que não há muita preocupação por isso.

A começar pelo presidente: o catariano Nasser Al-Khelaifi, CEO da QSI (Qatar Investment Authorithy – empresa responsável por gerir os holdings do petróleo e gás do Catar) e futuro presidente da beIN Media Group (empresa televisiva de mídia esportiva).

Além disso, agora o clube tem o próprio Neymar como fonte de lucro. Venda de camisas, ingressos e direitos de transmissão dos jogos irão aumentar. Sem esquecer dos títulos que Neymar pode ajudar a trazer para o PSG.

Aqui no Brasil, ESPN e SporTV (do grupo Globo) possuem os direitos de transmissão do campeonato francês. A empresa americana já anunciou que vai transmitir todos os 38 jogos do PSG no campeonato francês, o que gera exposição ao próprio clube, à marca e a seus patrocinadores.

Como fica para Neymar?

Em razão de valores, já vimos que fica bem confortável. Salários e bônus serão muito gordos para Neymar. E, mesmo que tenha dito que não foi em busca disso, o protagonismo que inegavelmente virá para ele no clube agrega muito valor à marca do jogador.

Há quem diga que o nível da Liga Francesa é inferior na Europa. De fato, mas a espanhola também não é um exemplo de competitividade. Barcelona e Real Madrid a anos figuram como soberanos no futebol espanhol.

Mesmo no PSG, Neymar continua a disputar as melhores competições europeias (principalmente a UEFA Champions League), contra os mesmos times que o Barcelona joga. É questionável a tradição e peso da camisa do PSG nas competições, mas dentro de campo isso pode ser revertido.

E o Barcelona?

Neymar saiu do clube catalão “pela porta dos fundos”, taxado de traidor por grande parte da torcida. Porém, isso apenas se reflete na insatisfação dos próprios torcedores e do clube por perder um grande jogador para uma equipe teoricamente inferior.

O Barcelona certamente recuperou o investimento feito em Neymar quando o trouxe do Santos. Na época, foram pagos por volta de 85 milhões de euros pelo jogador, em uma transação que até hoje gera dúvidas, discussões e até processos na justiça. Mesmo assim, as vendas de produtos licenciados, ingressos e, principalmente, títulos, renderam o retorno tão esperado pelo Barça.

Neymar é um jogador excelente, figura nos melhores do mundo e traz visibilidade e receita onde estiver. Todo clube de futebol no mundo gostaria de ter um jogador assim. E, atualmente, quem pagar mais leva. Resta agora saber se o futebol de Neymar continuará o mesmo e se o PSG conseguirá administrar tamanha grandeza. Vamos aguardar as cenas dos próximos capítulos.

Curtiu o conteúdo? Também temos Facebook e Instagram!

This Post Has One Comment

  1. Mariana Reply

    Achei interessante a análise e o texto muito bem escrito. Mas acho triste e revoltante esse montante de dinheiro envolvido numa situação única, e no mundo do futebol como um todo, considerando a sociedade imensamente desigual em que vivemos, inclusive nos países do Oriente Médio.

Deixe uma resposta para Mariana Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Banner